A Prefeitura de Belém, por meio da Sesma, alerta que uma subvariante Delta (AY.33), que já está circulando em Belém, pode não ser detectada por testes rápidos e pelos protocolos padrões de RT-qPCR, e que qualquer pessoa que apresente sintomas compatíveis com COVID-19 +

— Prefeitura de Belém (@prefeiturabelem) October 23, 2021